Crie um futuro ilimitado – Fuja das armadilhas e atinja metas relevantes!

Posted by

“O sucesso é feito de metas e todo o resto são comentários. ” – Brian Tracy.

Segundo Earl Nightingale “A felicidade é a realização progressiva de uma meta ou plano que valha a pena. ”

É comprovado que metas ativam as leis mentais e estas atuam, automaticamente, quando você tem objetivos claros e atua, para atingi-los.

Ter metas muda você, quase, imediatamente! Por que?


Curso de Constelação Familiar e Sistêmica

Porque elas liberam energia psíquica, que atraem ideias, estimulo e criatividade, mudando o seu destino e deixando-o mais forte e mais feliz.

Aristóteles dizia que “Os seres humanos são impulsionados por objetivos. ”

Quer saber mais sobre a importância das metas?

Uma pesquisa da Universidade de Yale, com base nos formandos de 1952, mostrou que:

•  Apenas 3% deles possuíam metas claras e escritas;



FORMAÇÃO COMPLETA EM PSICANÁLISE
Seja Psicanalista. Curso 100% Online. Habilita a Atuar. Teoria, Supervisão e Análise. SAIBA MAIS



•  14% tinham objetivos claros, mas não escritos;

•  83% não tinham nenhuma meta, a não ser sair da faculdade e aproveitar o Verão.

Em 1972, vinte anos depois, a Universidade entrevistou, novamente, o mesmo grupo de pessoas e concluiu que os 3% que tinham metas claras e escritas eram melhor remunerados do que os outros 97% em, aproximadamente, dez vezes.

Com tantas evidencias de que traçar metas é uma poderosa ferramenta para atingir objetivos e aumentar a qualidade de vida, por que as pessoas não o fazem?

Obstáculos para os sonhos

Conheça as principais armadilhas, que te afastam dos teus sonhos e fuja delas.

1. Não perceber a importância de fazê-lo.

Quer fazer diferente e começar a mudar a sua vida, agora?

Pegue papel e caneta e trace dez metas, agora!


Curso de Formação em Reiki - banner

2. Pensar que tem metas.

As pessoas acreditam ter metas, mas não as descrevem, claramente, nem atuam para atingi-las.

Revise as metas descritas acima e reavalie-as.

Estas metas são desafiadoras e te levarão a crescer, pessoal ou profissionalmente?

Elas te farão acordar todas as manhãs, com o objetivo de atingi-las?

Se este não for o caso, reescreva-as.

3. Não saber como definir metas.

Isto você já aprendeu, ao ler o meu último artigo. Certo?

4. Medo da rejeição.

Costumamos ter medo das críticas e do que os dirão, caso não atinjamos as metas propostas.

Portanto, mantenha as suas metas em segredo e só as compartilhe com aqueles que irão auxilia-lo a atingi-las ou o encorajarão a fazê-lo.

5. Medo do fracasso.

“O fracasso é a única oportunidade para começar de novo, de uma forma mais inteligente. ” Henry Ford.

É comprovado que o medo de traçar uma meta e não a superar causa um mal-estar.

A verdade é que o fracasso é indispensável ao sucesso.

Todas as nossas grandes conquistas deram errado várias vezes e foi isto que nos permitiu testar novas formas de realizar, para que o sucesso fosse possível.

Os bem-sucedidos fracassam mais, por tentarem muito mais do que a média.

Segundo a Lei da Probabilidade, quanto mais você tentar, maiores serão as chances de você tentar “a coisa certa” e obter êxito.

Quantas vezes você dedicou-se a realizar o seu maior sonho, antes de desistir ou sentir fracassado?

Você se sente melhor sucedido ou mais feliz quando, simplesmente, desiste?

6. Subutilização das próprias habilidades.

Segundo Michael Jordan “Todos têm habilidades, mas talento exige muito trabalho. ”

Você já se perguntou quais são as suas habilidades especiais?

Olhando para a sua trajetória, até aqui, o que tem sido responsável pelas suas maiores conquistas?

Em que áreas da sua vida você obteve mais êxito, até o momento?

Dica: Aqui, vale resgatar o que você gostava de fazer, entre os 7 e 14 anos (seja desenhar, escrever, ensinar) pois, segundo a Psicologia, é nesta fase que se manifestam os dons naturais.

7. Incongruência entre as metas de vida.

É importante que nossas metas, pessoais quanto profissionais, estejam em harmonia e não sejam contraditórias.

 Lembre-se de traçar metas desafiadoras, mas possíveis (plano SMART) e com necessidade de esforço, para darem certo.

Você está preparado para escrever a sua maior meta de vida?

Se você ainda não sabe, faça desta descoberta o seu principal e mais importante objetivo!

Seria interessante começar, agora, a escrever a história dos seus sonhos? Você quer ajuda? Se sim, pegue papel e caneta e responda:

 1. O que realmente importa para você? Quais são os seus principais três valores, sem os quais você não viveria?

2. Quais são os seus três maiores e mais importantes objetivos de vida?

3. O que você faria se descobrisse que só tem seis meses de vida? A que dedicaria o seu tempo restante? O que faria de diferente do que faz hoje?

4. Que decisões você tomaria, imediatamente, caso depositassem um milhão de reais na sua conta? O que você começaria e o que terminaria, agora?

5. O que você sempre quis fazer e nunca teve coragem de começar ou tentar?

6. Que atividades lhe dão maior prazer e satisfação? Que coisas você realiza que te trazem a maior sensação de relevância? O que você gosta de fazer mais que tudo?

7. O que você ousaria tentar, caso tivesse a certeza de que não falharia? Se tivesse a certeza de atingir qualquer meta, qual seria? Que meta é esta?

E agora, o quanto você está próximo de definir a sua principal meta e trabalhar, todos os dias, para atingi-la?

Tenho certeza de que você está pronto. Então: que ação imediata você irá tomar, para transformar esta meta em realidade?

Espero ter contribuído para aproxima-lo do seu sonho e auxilia-lo a ser ainda mais feliz e realizado.

Não esqueça de deixar o seu feedback e sugestões!

Ótimas metas e até a próxima quarta!


Curso de Psicanálise