Você está interessado em saber como montar sua academia, isto é, como empreender no mercado de academias do zero?

Começar um negócio novo é sempre um desafio. São muitas análises para fazer, estratégias para elaborar e papelada para assinar. Uma forma de simplificar o processo é empreender no mercado de academias.

São raras as pessoas que conseguem iniciar seu negócio a partir de uma base sólida. De fato, a maior parte dos empreendedores não conhece o básico de estratégia de negócios e coisas do gênero. Esses conhecimentos fazem muita diferença — ainda mais ao começar do zero.

Neste conteúdo, vamos apresentar algumas dicas essenciais para você começar a empreender no mercado de academias. Dessa forma, você não precisa desperdiçar tempo e dinheiro descobrindo o “caminho das pedras” para empreender em academias.


Curso de Constelação Familiar e Sistêmica

Vale notar que o começar do “zero”, em resumo, implica em se ter uma reserva de dinheiro. Não dá para comprar estoque sem, pelo menos, crédito no banco.

Posto isso, vamos às dicas!

Dicas para empreender em academias

1. Estude o mercado de academias

O primeiro passo para se empreender é estudar o mercado desejado. No caso, estamos falando de academias e suas demandas, tanto dos estabelecimentos quanto dos alunos.

Supondo que seu intento seja suprir as demandas dos alunos, você vai precisar analisar a fundo quem são essas pessoas. Existem várias maneiras de fazer isso, ainda mais no mundo globalizado em que vivemos.



FORMAÇÃO COMPLETA EM PSICANÁLISE
Seja Psicanalista. Curso 100% Online. Habilita a Atuar. Teoria, Supervisão e Análise. SAIBA MAIS



Uma dica excelente é buscar descobrir o que as pessoas desse mercado precisam, ou seja, a demanda. Isso é fundamental para que sua alocação de recursos seja certeira, ao invés de gastar com estoque que vai encalhar.

Para fazer isso, aproveite toda a informação disponível online. Vá em grupos de praticantes de academia, veja o que falam por lá. Leia comentários em produtos de seu mercado, saiba o que agrada seus futuros clientes. Tudo isso será convertido em lucro, mais adiante.

Além disso, encontrar bons fornecedores também é vital para seu sucesso. Se você quer vender produtos para academia, por exemplo, encontrar fornecedores de suplementos mais baratos faz muita diferença.

2. Escolha um nicho de atuação com base em dados

Agora que você fez o trabalho de casa, com certeza deve ter uma boa quantidade de dados acumulados. Portanto, é hora de extrair algum conhecimento útil de tudo isso.

A primeira coisa que você deve fazer é criar uma persona, ou seja, um cliente ideal de seu negócio. Para fazer isso, tente resumir todas as pessoas que fazem uso dos produtos que você pretende vender em uma única personagem.

Veja um exemplo:

“João, 28 anos, trabalha como atendente de supermercado. A aparência física é muito importante para João e, por isso, sempre está em busca de melhorias em seu treino e dieta. Já consome suplementos, mas não está feliz com o preço deles.”


Curso de Formação em Reiki - banner

Neste caso, o nicho será de hipertrofia, e seus produtos devem atender às demandas de João.

3. Atraia a atenção de seu público

Se você está acompanhando o conteúdo, agora você possui duas coisas em mãos: uma persona e várias informações do mercado que deseja ingressar. Esses itens são importantíssimos, pois vão facilitar na hora de atrair seu público.

Vamos manter o João como exemplo, apenas para facilitar a explicação deste tópico.

Uma ótima maneira de atrair a atenção de João é com títulos como “os 10 melhores suplementos para ganhar massa”, ou então “conheça os suplementos com melhor custo-benefício do mercado”.

Publicando conteúdos dessa natureza, seja nas redes sociais ou em um blog, com certeza pessoas parecidas com sua persona entrarão em contato rapidamente.

4. Suplementos para academia sempre vendem

Um dos melhores nichos para começar do zero no mercado de academias é o de suplementos esportivos. A razão disso é simples: quase 60% dos brasileiros usam algum suplemento, segundo a ABIAD.

Ou seja, em uma academia com 1.000 alunos, é esperado que 600 façam uso de suplementos. Levando-se em conta o uso recorrente, e uma conversão de 10%, com ticket médio de R$ 150, você consegue faturar cerca de R$ 9.000 por mês apenas nesse cenário.

Tenha em mente, todavia, que fizemos uma simulação pensando em um cenário pessimista. Ou seja, é provável que você consiga atingir muito mais que 60 pessoas por mês, ainda mais se usar as redes sociais.

5. Moda e vestuário também está em alta

Outra maneira de entrar no mercado de academias é aproveitar as vendas de camisetas, calçados e demais produtos para se exercitar. Existe um mercado enorme para produtos esportivos especiais, embora poucas pessoas o aproveitem.

Alguns calçados, por exemplo, possuem modificações nas solas de acordo com a pisada do atleta. Portanto, esses itens são fundamentais para praticantes mais avançados, por isso há uma boa demanda.

As camisetas de treino que permitem a fácil transpiração também são muito requisitadas. Afinal, ninguém gosta de treinar com a camiseta toda suada e colando, não é verdade?

Como você pôde notar, as possibilidades são infinitas. Escolha seu nicho de atuação, estude seu público alvo e elabore uma estratégia de negócio.

Com persistência e paciência você chega lá!

Este conteúdo foi criado por Lucas Widmar, formado em Investigação Forense e Perícia Criminal, com foco em compliance e empreendedorismo. Busca sempre trazer conteúdo para este nicho afim de dirimir dúvidas de empreendedores quanto aos processos de seus negócios.


Curso de Psicanálise