Vale a pena ter um estagiário em sua empresa? Saiba tudo

Quando se fala na contratação de um estagiário, muitas empresas entram em dúvida sobre a necessidade dele. Ainda que carregue alguns benefícios, é preciso avaliar se vale realmente a pena ter um estagiário como funcionário. Com base na sua mecânica de trabalho, vamos ver se isto é bem-vindo ou não.

A empresa pode receber um estagiário?

Para se ter um estagiário é preciso oferecer um suporte adequado para ele. O maior erro de algumas empresas é acreditar apenas no investimento financeiro menor desse profissional. Isso porque a ideia de se pagar mais para um trabalhador acaba cegando o raciocínio de outras coisas mais importantes.

A questão não é apenas se o estagiário vai se adequar à empresa, mas também se ela fará isso por ele. Muitas instituições não estão preparadas para dar início ao ligamento do estudante com o mercado de trabalho. Ao invés de ser uma experiência agregadora a ele, acaba por se tornar um empecilho no seu desenvolvimento laboral.

Caso cogite contratar um estagiário, pense no suporte que pode ofertar a esse profissional. Lembre-se que o mesmo sempre chegará motivado a qualquer oportunidade de contribuir, mas precisa ser assistido logística e socialmente. Do contrário, sua energia e potencial podem acabar sendo desperdiçados e não gerar bons rendimentos a todos.



Curso de Constelação Familiar e Sistêmica

Ter um estagiário é preencher uma página em branco

Uma das melhores vantagens em se ter um estagiário é que o mesmo é como uma página em branco. Esse diário espera ansioso para ser preenchido com boas experiências e oportunidades de crescimento. Como dito alinhas acima, os estagiários sempre carregam uma verve imutável assim que começar a aplicar o que aprenderam.

Essa é a oportunidade perfeita para construir um profissional que se adeque diretamente às necessidades de sua empresa. Você estará ajudando a dar vida a alguém que entende seus princípios e trabalha em cima deles. Dessa forma, pode obter resultados desejados e que se alinhem com a sua proposta e a da seu empreendimento.

Desde o primeiro dia de trabalho dele, tente proporcionar uma imersão gradual na forma de pensamento da empresa. Isso dará a ele tempo de se adaptar e elaborar estratégias com base nas habilidades que possui. Cabe ressaltar que se trata de um período experimental. Ele precisa se sentir seguro para que entregue o melhor de si.

União

Ter um estagiário não se trata apenas de possuir um coringa para executar qualquer trabalho atribuído. É necessário que se crie um ambiente confortável onde ele possa desenvolver sua força de trabalho. Por isso, a empresa deve carregar e ofertar estrutura e parceria para que este possa crescer como pode e imagina.

Isso inclui os colegas de trabalho que são veteranos e com cargos mais complexos do que ele. É necessário que se dê abertura para que esses dois criem um laço onde possam dividir suas experiências. Dessa forma, acabará gerando um espelhamento no novato, de modo a construir referências e metas a serem alcançadas.

No geral, o estagiário precisa de atividades com que se sinta livre para trocar ideias. Mesmo que seja novo ao ambiente, isso não significa que não possa contribuir de alguma forma. Faça com que dê sugestões, permitindo que se sinta mais confortável diante de tantas pessoas. Rapidamente, ele se sentirá bem-vindo no local.

Vantagens de ter um estagiário

A depender da dinâmica geral de sua empresa, vale muito a pena ter um estagiário trabalhando no local. O mesmo acaba tornando a força de trabalho mais fluida e renovada, de forma a propor novas parcerias. Sem contar que tudo isso é ainda melhor para ele, já que está onde quer. Isso significa que terá um:

Profissional engajado e com vontade de trabalhar

Como aberto linhas acima, o estagiário tem fome e força em fazer. Já que se trata da primeira oportunidade dele na área à qual se forma, o engajamento dele com a empresa será maior. A todo momento ele buscará ser solicitado e se prontificará quando alguém precisar de ajuda. Sem contar que isso pode resgatar a vontade de outros funcionários.

Moldagem profissional

Um estagiário é a oportunidade que a empresa tem de moldar, de algum modo, seu “funcionário ideal”. O mesmo não relutará em absorver as práticas positivas da entidade, se aproximando dos ideais do trabalho. Dessa forma, fica mais fácil fazer planejamentos e esperar resultados pois ele está alinhado com as diretrizes do local. Você formará um especialista.



FORMAÇÃO COMPLETA EM PSICANÁLISE
Seja Psicanalista. Curso 100% Online. Habilita a Atuar. Teoria, Supervisão e Análise. SAIBA MAIS



Custos

Um estagiário possui uma forma de trabalho mais flexível que os demais em sua companhia. Nem todos recebem um auxílio, a exemplo do estágio obrigatório. Contudo, além de ter uma força de trabalho ávida, você pagará uma contribuição correspondente e sem encargos. Contudo, ele só deve fazer as atribuições que são da competência dele.

Cuidados

Apesar das vantagens óbvias em se ter um estagiário, é preciso se atentar às responsabilidades inerentes. Não se trata apenas de fazer contratações e deixar que o restante seja orgânico. A empresa precisa se atentar aos deveres gerais em se manter um profissional em formação. Tudo começa por:

Dar suporte para que se desenvolva

Por mais inteligente que possa ser, o estagiário não é autodidata. Ele necessita ser guiado pelo tempo que for necessário, de modo a se adequar à dinâmica de trabalho local. Além de ações, o próprio ambiente deve colaborar a isso. Ele precisa sentir que pode ir além de onde está e entregar mais de forma correspondente.

Envio de relatórios

A instituição de ensino necessita saber do desenvolvimento do aluno e como este anda aplicando tudo o que aprendeu. Por isso, a empresa deve fazer relatórios semestrais do progresso do estudante dentro do ambiente laboral. Cabe ressaltar que tudo ainda é parte de sua formação e suas ações contam ao encerramento do curso.

Segurança

Ainda que o trabalhador tenha uma dinâmica contratual diferente dos demais, isso não significa que deve ser desassistido. Mesmo que alguns pontos não estejam estabelecidos em lei, é preciso usar o olhar humano e vê-lo como tal. Conceda uma pausa a jornadas com seis horas ou mais, não interfira sobre a faculdade e o assegure seu recesso.

Considerações finais sobre ter um estagiário

Não é à toa que o estagiário é uma das figuras mais emblemáticas da cultura popular. O mesmo acaba se deparando com um mundo de responsabilidades ainda carregando pouca bagagem nas costas. Por isso, a empresa deve montar um plano para que se possa extrair o melhor dele. Pense no diamante bruto que tem em mãos e pode ser lapidado.

É vantajoso ter um estagiário quando a empresa está apta recebê-lo. De nada adianta querer investir nele apenas com a intenção de se pagar menos por tal força de trabalho. Caso seja bem executada, essa troca pode ser extremamente benéfica aos dois. Pense a respeito e abra sua mente e seu negócio sobre.

Achou o que precisava lendo o conteúdo sobre ter um estagiário? Continue acompanhando as publicações do blog Negócios & Carreiras para mais matérias de valor equivalente. Caso tenha restado alguma dúvida, deixe nos comentários e entraremos em contato o mais rápido possível. Seu negócio encontra a diretriz correta conosco.


Curso de Psicanálise

Deixe seu Comentário Abaixo :)

Redação N&C

O Negócios & Carreiras é uma revista eletrônica com conteúdo de qualidade e atualizado, para desenvolvimento de pessoas e empresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 1 =