Como Abrir um MEI? Tudo o que você Precisa Saber!

Você conhece o conceito de Microempreendedor individual? Sabe quem pode ser o que precisa ser feito para abrir um MEI? Além disso, sabe quais as responsabilidades que esse tipo de empreendimento traz? Não? Então continue a leitura!

É muito comum, hoje, que prestadores de serviços e outros atuantes no mercado precisem criar uma empresa, principalmente para ter um CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica) e para emitir notas fiscais. Portanto, o modelo de empresa MEI (Microempreendedor Individual) veio para salvar muitas pessoas da necessidade de abrir uma grande empresa.

O que é um Microempreendedor Individual?

Em 2008, o modelo de microempreendedor individual foi instaurado para diminuir a quantidade de trabalhadores na ilegalidade. Assim, com uma carga tributária reduzida e com algumas regras diferentes de outros modelos de empresa, o MEI foi criado.

Assim, o MEI agrega uma lista de profissionais, como costureiros, verdureiros, vendedores de artigos específicos e prestadores de serviço. Para ter acesso à lista completa, clique aqui. Há algumas especificações para ser um MEI, descubra abaixo!



Curso de Constelação Familiar e Sistêmica

Quem pode ser MEI?

Para ser um Microempreendedor Individual, o interessado deve ter certeza de que cumpre todos os pré-requisitos necessários. Você tem interesse? Então confira agora!

Como o microempreendedor individual atua, normalmente, com empresa virtual, ele não precisa de um estabelecimento fixo. Assim, é muito mais fácil de manejar os gastos.

Para ser caracterizado nessa categoria, o pequeno empresário deve faturar, no máximo, 81 mil reais por ano, o que daria, em média, 6 mil e 750 reais por mês. Pessoas que faturam mais do que isso devem buscar outro modelo empresarial. Além disso, o MEI não pode ter participação em outra empresa como sócio, titular ou administrador, pois isso o desqualifica para ser microempreendedor individual.

Por conseguinte, o MEI pode ter, no máximo, um funcionário contratado, e ele deve receber o salário mínimo ou o piso de sua categoria.  Isso não impede que o MEI tenha sócios em sua empresa, desde que estes não sejam caracterizados como empregados.

Ou seja, pequenos empresários, como uma boleira, podem abrir um MEI para legalizar seu negócio e ter acesso a alguns benefícios. Por exemplo, o MEI com mais de 180 meses de contribuição (15 anos), tem direito a se aposentar por idade. Além disso, a partir de 10 e 12 meses de contribuição com o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), o pequeno empresário tem acesso ao salário maternidade, auxílio doença/invalidez, pensão por morte e auxílio-reclusão.

O que você precisa saber para abrir um MEI?

De início, você deve ter certeza que cumpre os requisitos apresentados acima, como a questão do faturamento máximo e de não ter seu nome associado a outra empresa. Além disso, para abrir uma MEI, tenha em mãos alguns documentos e informações, como seu Cadastro no Portal de Serviços do Governo Federal e seus dados pessoais, como título de eleitor ou declaração de imposto de renda, além de dados de contato e endereço residencial. Ademais, tenha todos os dados de seu negócio, o tipo de atividade econômica realizada, sua forma de atuação e local onde o negócio acontece.

Por fim, verifique se você não está recebendo algum benefício previdenciário, como salário-maternidade, auxílio-doença, auxílio-idoso, aposentadoria por invalidez, etc. Isso porque, caso você receba, ao formalizar o MEI, o benefício poderá ser cancelado.

O que um Microempreendedor individual pode fazer?

Ao se tornar um microempreendedor individual, o pequeno empresário poderá vender e prestar serviços para o governo, além de alavancar suas oportunidades de trabalho. Além disso, terá um CNPJ e um alvará de funcionamento, sem burocracia ou custos. Terá acesso a créditos e o imposto pago é menor do que dos outros modelos de empresa, sendo o mesmo valor todos os meses. Ou seja, são muitas vantagens para o pequeno empresário que quer se formalizar e aumentar seu engajamento no mundo empresarial. Ficou interessado? Então descubra agora como abrir um MEI!

Como abrir um MEI?

Para formalizar sua empresa e abrir um MEI, ao contrário do que pensam, não é necessário um contador ou qualquer outro intermediário. É muito simples e fácil, basta acessar o Portal do Empreendedor, fazer seu cadastro e preencher os dados necessários. A abertura do MEI é gratuita e o DAS é cobrado mensalmente.



FORMAÇÃO COMPLETA EM PSICANÁLISE
Seja Psicanalista. Curso 100% Online. Habilita a Atuar. Teoria, Supervisão e Análise. SAIBA MAIS



Gostou do artigo e se interessa pelo assunto? Deixe um comentário sobre qual o seu tipo de negócio e como o MEI irá te ajudar! Já tem um MEI? Conte pra nós como é sua experiência com esse modelo de empresa!

 

 

 


Curso de Psicanálise

Deixe seu Comentário Abaixo :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 4 =